Carnaval de Rua: Prepare sua pizzaria para essa grande festa

Carnaval de Rua: Prepare sua pizzaria para essa grande festa

Segundo o site Blocos de Rua.com  são esperados mais de 4 milhões de pessoas para curtir o Carnaval de Rua, nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Florianópolis, Recife, Olinda, Brasília, Porto Alegre e Fortaleza.

O evento promete ser um dos maiores de todas as temporadas. Afinal, o público apaixonado por folia de rua já vem esperando essa oportunidade há 2 anos,  quando o evento foi suspenso devido a pandemia da COVID 19.

Apenas em São Paulo, existem mais de 650 blocos confirmados, que prometem levar muita diversão no Carnaval de Rua 2023, além de grandes artistas, tais como Anitta, Banda Eva, Léo Santana e Claudia Leite.

O carnaval será no dia 21 de fevereiro, mas tem programação o mês inteiro nas cidades.  Ainda em São Paulo, os primeiros bloquinhos começam  a circular no dia 11 de fevereiro, sábado, com o famoso esquenta. Já o último bloco, será em 26 de fevereiro, domingo,  com o chorinho.  Antes dessa data também tem diversos blocos realizando festas e ensaios.

Para as pizzarias das cidades, a recomendação é se preparar para a demanda e para o fluxo de pessoas que estarão circulado.

Por isso, vamos compartilhar agora alguns lugares onde já tem blocos de ruas confirmados. A dica é procure pesquisar o itinerário, programe-se para um possível aumento da demanda e faça um plano de promoções para a ocasião.

Nesse artigo também traremos alguns alertas importantes para as pizzarias e responderemos se o Carnaval de Rua é um bom negócio ou não. Confira!

Carnaval de Rua: Confira os bairros com folia confirmada!

Para confirmar data, horário, perfil e itinerário dos blocos de rua, das cidades mencionadas acima, basta acessar a agenda completa  em Blocos de Rua. com.

Em São Paulo, já tem folia confirmada em mais de 64 localidades durante o Carnaval Rua. Além dos blocos, tem ensaios, festas, shows e desfiles

Confira agora a lista das regiões por onde passarão os Bloco de Rua em São Paulo e se ficam na mesma região da sua pizzaria:

  • Barra Funda
  • Barueri
  • Bela Vista
  • Bixiga
  • Brás
  • Brasilândia
  • Brooklin
  • Butantã
  • Campo Belo
  • Campo Limpo
  • Cantareira
  • Capela do Socorro
  • Casa Verde
  • Centro
  • Chácara Santo Antônio
  • Cidade Ademar
  • Consolação
  • Ermelino Matarazzo
  • Freguesia do Ó
  • Guaianases
  • Guarulhos
  • Ibirapuera
  • Interlagos
  • Ipiranga
  • Itaim Bibi
  • Itaim Paulista
  • Itaquera
  • Jabaquara
  • Jaçanã
  • Jardim Almanara
  • Lapa
  • Lauzane Paulista
  • M’Boi Mirim
  • Moema
  • Mooca
  • Morumbi
  • Parelheiros
  • Parque Ipê
  • Penha
  • Perdizes
  • Perus
  • Pinheiros
  • Pirituba
  • Planalto Paulista
  • Pompéia
  • Santa Cecília
  • Santana
  • Santo Amaro
  • Santo André
  • São Mateus
  • São Miguel Paulista
  • Sapopemba
  • Tremembé
  • Tucuruvi
  • Vila Carrão
  • Vila Guilherme
  • Vila Leopoldina
  • Vila Madalena
  • Vila Mariana
  • Vila Nhocuné
  • Vila Nova Conceição
  • Vila Olímpia
  • Vila Prudente
  • Vila Regente Feijó

Carnaval de Rua: Bom ou ruim para a pizzaria?

A resposta é: Depende!

Apenas o próprio empresário pode avaliar se o carnaval é  bom ou não para o negócio. Além disso, é uma resposta que depende de vários fatores, dentre eles perfil da pizzaria, tipo de serviço e  público.

Logo, se é a primeira vez que terá bloco na região da sua pizzaria a recomendação é fazer uma pesquisa e avaliar como foram as edições anteriores, em outras localidades, e os pontos de impacto que causaram.

Também vale a pena fazer contato com outros empresários e pedir  mais informações.

Nas edições anteriores do Carnaval de Rua, existem relatos de reclamações abertas por moradores e comerciantes, principalmente por conta dos blocos de rua não oficiais, que não são planejados e, com isso, perde-se o controle do horário para acabar. Também houve relatos sobre barulho excessivo, confusões, tráfico de drogas e até depredação.

Desde então, associações de moradores e comerciantes solicitam medidas do Ministério Público para que o evento ocorra de forma organizada e controlada.

Por outro lado, muitos estabelecimentos declararam ter aumentos nas vendas durante o período do Carnaval.

O ponto principal é que o Carnaval de Rua movimenta milhões para a economia da cidade, logo a probabilidade é que o evento cresça cada vez mais.

Esse ano, a Apubra – Associação Pizzarias Unidas do Brasil, monitorará o impacto do evento dentre seus associados, para avaliar necessidades de ajuste para as próximas edições.

Recomendação para pizzarias

Para as pizzarias das cidades participantes, a recomendação é se preparar para a demanda e para o fluxo de pessoas que estarão circulado.

É importante pensar em promoções especificas para atrair os foliões. Vale ousar com campanhas criativas e que complementem a experiência carnavalesca.

Alertamos também sobre os impactos na logística. Lembre-se que vários trechos estarão interditados, o que pode afetar tanto no recebimento de insumos dos fornecedores, quanto no delivery de pizza. É importante conferir o itinerário dos blocos e fazer um bom planejamento nesse sentido.

Outro fator é relacionado a segurança. O Carnaval de Rua é um evento para trazer entretenimento e diversão, mas sabemos que quando muitas pessoas se juntam pode gerar confusão.

Como citamos anteriormente, houve registros de depredação de comércios em edições anteriores, sendo assim a dica é reforçar a segurança e ficar alerta a qualquer sinal de ações de vândalos.

Blocos e pizza: Uma dupla de sucesso para o Carnaval de Rua

Assim como milhares de pessoas já provaram amar uma folia de rua, também sabemos que a pizza é uma paixão nacional. Juntar as duas só pode ser um bom negócio.

Desta forma, só podemos terminar esse artigo desejando que o Carnaval de Rua seja um sucesso e que traga bons frutos para todos.  Acima de tudo, que o evento ocorra de forma respeitosa, planejada e muito organizada. Dentro das regras pré-estabelecidas.

Que os blocos resgatem a alegria das festividades de rua, que os comércios e pizzarias em geral possam aproveitar dessa oportunidade para alavancar as vendas.

Dica de leitura>>>>>          Faça parte do maior grupo de empresários da pizza do país. Conheça a Apubra

Contribuição do MEI subirá para R$ 65,10 em fevereiro

Contribuição do MEI subirá para R$ 65,10 em fevereiro

A manutenção do salário mínimo em R$ 1.302 pelo menos até maio, anunciada em 18 de janeiro, pelo ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, mudará o cálculo da contribuição de microempreendedores individuais (MEI) para a Previdência Social. O valor, que subiria para R$ 66 caso vigorasse o salário-mínimo de R$ 1.320 estipulado pelo Orçamento, agora ficará em R$ 65,10.

O aumento, de 7,43%, segue o reajuste do salário mínimo, que passou de R$ 1.212 no ano passado para R$ 1.302 este ano, conforme estipulado por medida provisória editada em dezembro pelo governo passado.

O reajuste valerá apenas para os boletos com vencimento a partir de 20 de fevereiro. A cota deste mês, que vence em 20 de janeiro, continuará a ser paga pelo valor antigo, de R$ 60,60.

Fonte: Agência Brasil

Pizzarias x MEI

O MEI, criado em 2008, com a Lei n° 128, ajudou a formalizar a operação de diversas pizzarias, que até então desempenham suas atividades de forma informal, além disso, também facilitou  o ingresso de novos e pequenos empreendedores na área.

Estudo da APUBRA, realizado em 2022, avaliou o perfil de mais de 83 mil pizzarias e identificou que deste universo 54% são MEI.

Crescimento  

Vale destacar que para trabalhar como MEI existem algumas regras:

-Você pode contratar no máximo um empregado ou empregada, que receba o piso da categoria ou 1 salário mínimo;

– Você não pode ser ou se tornar titular, sócio ou administrador de outra empresa;

– Não pode ter ou abrir filial;

– Poderá ter um faturamento anual de até R$81.000,00 por ano, ou proporcional, no ano de abertura.

Para 2023, existe um projeto de lei em tramitação e que tem por objetivo realizar algumas mudanças, tais como aumentar o faturamento para R$ 144,9 mil (R$ 12 mil por mês) e o número de funcionários, de 1 para 2.

Sendo assim, o MEI é uma condição para quem está começando o negócio ou atenda os requisitos acima. Para os empresários que começam a crescer é preciso reenquadrar a empresa.

Para ajudar nesse desafio, a APUBRA criou um conteúdo bem especial: Tenho uma pizzaria MEI e quero crescer.

Para ter acesso ao documento, basta clicar no link acima.

CONFIRMADO MISSÃO PARA PIZZA EXPO

CONFIRMADO MISSÃO PARA PIZZA EXPO

Junte-se a APUBRA e embarque no maior evento de pizza do mundo!

Desenvolvido para proprietários e operadores de pizzarias, participar desse evento é uma excelente forma de ter acesso as tendências, tecnologias, estratégias e soluções mais modernas do mercado.

Além disso, a cidade onde ocorre o evento – Las Vegas – também é um atrativo especial, afinal o local é palco de atrações diferenciadas e que são referências mundiais.

Por isso, a APUBRA está organizando uma missão internacional exclusiva para os empresários brasileiros, associados a entidade, e te convida a fazer parte desse grupo.

A 39° Pizza Expo será realizada de 28 a 30 de março de 2023!
Garanta já a sua presença.

PARTICIPE DO WORSHOP ALISPEC COM DAVID LEÃO

PARTICIPE DO WORSHOP ALISPEC COM DAVID LEÃO

No dia 30 de janeiro será realizado o Workshop Alispec com David Leão.
Os participantes aprenderão na prática como usar recheios forneáveis.

O evento será no 30/01 às 15h, em São Paulo.

Fale conosco e garanta sua participação!

Visto dos EUA: Desafios para obter o documento pela primeira vez

Visto dos EUA: Desafios para obter o documento pela primeira vez

Quem planeja viajar para os EUA, seja por turismo ou negócios, precisa se preparar para um grande desafio: O tempo de espera.

Atualmente, os brasileiros estão enfrentando um longo período de espera, que pode ultrapassar 16 meses.

O consultado norte-americano, instalado em São Paulo, é o que apresenta maior espera para a entrevista. Conforme estudo realizado pela AG Immigration, escritório de advocacia imigratória para os EUA,  a fila no estado de São Paulo chega a 505 dias.  Os consulados dos demais estados estão demorando entre 337 e 434 dias.

Por exemplo, no Rio de Janeiro o tempo de espera é de 435 dias para a entrevista, já  em Porto Alegre, esse tempo leva em torno de 337 dias, considerando a entrevista do visto B1/B2.

Por que tirar o visto dos EUA se tornou tão demorado?

Com as restrições de acesso ao país, determinadas em março de 2020, os EUA se fecharam para turismo, o que retomou apenas no começo de novembro de 2021.

Sendo assim, esse prazo tão longo é consequência da demanda reprimida que se formou com a pandemia da Covid-19.

Posição do consulado

Em nota, divulgada pela CNN Brasil, a embaixada destacou as medidas que estão sendo tomadas para reverter a situação e reduzir os prazos.

“Desde a retomada pós-pandemia do processamento regular de vistos, a Embaixada e Consulados no Brasil têm trabalhado ativamente para contratar e treinar funcionários adicionais e acrescentamos horas e dias extras (como Super Sábados) para aumentar a capacidade de processamento de vistos. Ampliamos para 48 meses o período para que solicitantes renovem seus vistos de não-imigrante sem a necessidade de uma entrevista. Como resultado, em novembro de 2022, a Embaixada e Consulados dos EUA emitiram em todo o país 66% mais vistos de turista e negócios do que no mesmo período pré-pandemia”.

O consulado destacou ainda que “os candidatos que possuem uma viagem emergencial podem solicitar o adiantamento da entrevista, de acordo com instrução no site”.

Vale destacar que, esse prazo de espera é para tirar o visto pela primeira vez, nas categorias negócios e turismo. Outros tipos de visto são bem mais rápidos. Consulte o site do consulado para saber mais sobre as modalidades.

Essa regra também vale para a renovação dos vistos, onde o prazo é menor e, em alguns casos, a entrevista também pode ser desconsiderada.

Precisa tirar o visto dos EUA e não sabe por onde começar? Confira alguns pontos importantes e que são orientados pelo consulado

Em primeiro lugar, definir o propósito da viagem e outros fatos determinarão que tipo de visto é exigido pela lei de imigração dos EUA. Confira aqui, a Lista de Tipos de Visto para determinar qual categoria é a mais apropriada para sua viagem aos Estados Unidos.

O consulado orienta ainda 4 passos essenciais para solicitar o seu visto americano:

  • Preencher o formulário DS-160 disponível no site oficial do consulado
  • Pagar a taxa e agendar a vista ao CASV e a embaixada ou consulado para a entrevista de visto
    1. Para quem é de Porto Alegre, tudo é feito no consulado
  • Leve seu passaporte e documento ao CASV e comparece à entrevista na embaixada ou consulado
  • Se for aprovado, busque o seu passaporte ou recebe pelo correio, conforme sua escolha

Para entender melhor cada um desses passos, o consultado criou uma série de vídeos curtos. Confira nesse link -> Solicitando seu visto

Por que empresários da pizza devem tirar o visto dos EUA?

Viajar é sempre uma experiência enriquecedora, tanto no fator pessoal, quanto empresarial.

Sendo assim, além do fator turismo, existe uma série de oportunidades que os empresários da pizza podem viver durante uma experiência de viagem aos EUA, tais como:

– Conhecer a maior feira de pizza do mundo, o Pizza Expo, que ocorre em março, em Las Vegas. O evento também oferece dezenas de seminários para educação profissional do setor.

– Pizzarias americanas são referência no quesito processos, vale a pena visitar o país para viver experiência de consumo ou realizar visitas técnicas, com foco em conhecer a operação.

Para viver essa experiência com segurança, a recomendação é fazer essa visita com quem já tem experiência nessa viagem. A Apubra realiza anualmente uma missão internacional para o Pizza Expo, onde conduz um grupo de empresários da pizza que são associados a entidade.

Sem dúvida, uma experiência segura e diferenciada para quem quer viver dias de muita inovação, inspiração, integração e entretenimento. Para saber mais, fale com a Apubra