Você conhece o projeto Lorena?

Você conhece o projeto Lorena?

Compartilhamos com todos os nossos associados e parceiros o projeto Lorena, uma iniciativa de um grupo de motoboys do litoral de São Paulo e que tem a missão de levar a noite da pizza para as crianças das comunidades.

Esse lindo exemplo de solidariedade tem chamado a atenção nas redes sociais, principalmente a última edição que aconteceu no dia 22 de outubro, em celebração ao dia das crianças.

Hoje, o projeto conta com cerca de 40 motoboys de pizzarias da baixada santista que participam da ação e que tem como principal objetivo proporcionar o sorriso em crianças que residem em áreas de risco social.

Segundo entrevista ao Terra de Gabriel Queiroz Alves,  idealizador do projeto,  a ideia surgiu no início do ano passado após notar que constantemente sobravam algumas pizzas no final da operação, sejam por pedidos cancelados, erros de ingrediente, entre outras causas. Com o objetivo de evitar o desperdício, junto com colegas, as redondas passaram a ser distribuídas aos moradores de rua e crianças. No mesmo ano, no mês de maio, um dos motoboys voluntários teve a ideia de abrir mão de seu jantar para aquecer a noite das crianças.

Por que Projeto Lorena?

O projeto não tinha nome até que finalmente foi batizado quando em uma entrega uma garotinha chamada Lorena ficou sem pizza, pois havia se esgotado. Para não a deixarem triste, o grupo retornou à comunidade com uma pizza feita especialmente para ela.  E, deste episódio surgiu também o nome para a iniciativa.

O que achou do projeto?  A história é extremamente inspiradora e nos faz sentir orgulho em fazer parte deste mercado.

Caso você tenha interesse em apoiar essa iniciativa, acesse o Instagram do projeto e saiba como participar.

@projetolorena013

Imagem/Reprodução: @projetolorena013

Housi cria quarto instagramável em  parceria com a Pizza Hut

Housi cria quarto instagramável em parceria com a Pizza Hut

A Housi, empresa de moradia por assinatura, anunciou recentemente uma parceria inédita com a Pizza Hut.  O objetivo da inusitada parceria foi criar um quarto temático em um dos apartamentos da empresa totalmente imersivo ao universo das pizzas. Além da decoração,  o visitante terá à disposição o cardápio da famosa rede enquanto estiver hospedado.  

Em entrevista para a coluna de Turismo do Portal IG, a diretora de marketing da Pizza Hut Brasil comenta que a proposta é uma aposta na conexão com o novo momento da rede e a busca por conversar com o público mais jovem.  

A unidade escolhida para receber o projeto foi o Edifício Housi Bela Cintra e está disponível desde o dia 5 de agosto, recebendo inicialmente imprensa e influenciadores como ação do mês da pizza.  O quarto Hut tem um espaço de 26m² distribuídos, com sala, quarto, banheiro e cozinha. As diárias, até novembro de 2022, estavam em torno de R$409,00.

Apubra fala com ANS sobre impactos na oferta de combustíveis

Apubra fala com ANS sobre impactos na oferta de combustíveis

Visando o combate à fake news e informações infundadas, em contato com a ANP, Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Bio combustíveis, a APUBRA solicitou informações sobre o real cenário de oferta de combustíveis. A seguir, confira a nota da ANP obtida pela APUBRA na íntegra.

A Diretoria da ANP aprovou no dia 1 de novembro medidas preventivas para garantir a continuidade do abastecimento de combustíveis, tendo em vista bloqueios em algumas estradas do país. O objetivo da Agência é facilitar, dentro de suas atribuições legais, o fluxo de produtos entre os locais de armazenamento e o consumidor final.

Um eventual risco de restrição no abastecimento de combustíveis, neste momento, está relacionado a uma interrupção dos fluxos logísticos, por conta de bloqueios, e não à oferta (produção nacional + importação), à capacidade de armazenamento ou aos estoques mantidos por produtores e distribuidores.

As medidas entrarão em vigor depois de sua publicação no Diário Oficial da União (DOU) e valerão até que a ANP, por meio do monitoramento do mercado, avalie não serem mais necessárias.

Medidas:

Estoques

– Suspensão das obrigações de manutenção de estoques semanais médios mínimos pelas distribuidoras (Resoluções ANP 45/2013, 5/2015 e 6/2015).

Comercialização

– Liberação das revendas de GLP (gás liquefeito de petróleo, também conhecido como gás de cozinha) para comercialização de produto em vasilhames de outras marcas além daquela para a qual estão autorizadas.

– Liberação dos Transportadores-Revendedores-Retalhistas (TRRs) para comercialização de gasolina C e de óleo diesel diretamente com postos de revendedores de combustíveis. Pelas regras atuais, os TRRs podem comercializar somente etanol hidratado com os postos.

Armazenagem

– Liberação de cessão de espaço para armazenagem, entre diferentes agentes econômicos, independentemente de homologação da ANP. Isso permitirá que distribuidoras com volumes altos armazenados possam guardar produtos em instalações de outras distribuidoras ou TRRs.

Vale destacar que na noite de ontem, 02/11, o presidente Jair Bolsonaro publicou um vídeo nas redes sociais dele pedindo que seus apoiadores desobstruam as rodovias que estão boqueadas por todo o país, ressaltando que esse ato prejudica o direito de ir e vir da população.

“Os protestos e as manifestações são muito bem-vindas, fazem parte do jogo democrático. [….] Agora, tem algo que não é legal. O fechamento de rodovias pelo Brasil prejudica o direito de ir e vir das pessoas. Está na nossa Constituição. E nós sempre estivemos dentro dessas quatro linhas. Tem que [se] respeitar o direito de outras pessoas que estão se movimentando”, destacou o presidente Bolsonaro.

Acreditamos dessa forma que teremos essa situação normalizada em breve.

Falso comprovante de pix gera prejuízo à pizzaria em Marília

Falso comprovante de pix gera prejuízo à pizzaria em Marília

O PIX revolucionou os meios de pagamento digitais por possibilitar transferências instantâneas mesmo aos finais de semana e feriados entre contas distintas. Mas, a funcionalidade que deveria ser o motivo de muita tranquilidade para o empreendedor, tem sido o motivo de muitas dores de cabeça. Na última semana, uma pizzaria localizada na cidade de Marília, interior de São Paulo, foi vítima de um caso de estelionato através de golpe do falso Pix. O crime consiste em o criminoso apresentar um falso comprovante de pagamento e receber o pedido sem ter realmente pago a conta.  

No último dia 27 de outubro, o gerente da pizzaria procurou a Polícia Militar para denunciar um prejuízo de R$837, gerado nos três dias anteriores por um cliente que realizou o pedido por celular e como pagamento, solicitou a chave pix do estabelecimento. Entretanto, ao consultar o extrato, o gerente percebeu o golpe. 

Como evitar cair em golpes?  O PIX segue como um excelente meio de receber pagamentos, mas para evitar transtornos,  o estabelecimento deve tomar algumas precauções.   “A empresa pode se precaver utilizando alguns mecanismo de segurança que a própria conta utiliza como, por exemplo,  receber notificação em um celular sempre que  receber um pagamento.  Também recomendamos que o empresário facilite a conferência de pagamentos. Para isso, é possível utilizar uma conta bancária secundária apenas para receber essa modalidade de pagamento e um funcionário em cargo de confiança como gerente, tenha acesso para realizar a conferência em tempo real” comenta Adalmir Monteiro, consultor jurídico da APUBRA.   Monteiro também sugere  que não se utilize o CNPJ como chave PIX.  “Não recomendamos a utilização de e-mail como chave pix por ser difícil de digitar e sujeito a muitos erros. Uma boa opção é o uso de chave pix por telefone”.  complementa. 

IFood revela que 5 pizzas são pedidas por segundo em sua plataforma

IFood revela que 5 pizzas são pedidas por segundo em sua plataforma

Sabemos que o brasileiro é apaixonado por pizza e recentemente, o Ifood divulgou dados que reforçam essa paixão – segundo a foodtech, mais de 41 milhões de pizzas foram solicitadas pelo app, o que equivale em média a 5 pizzas por segundo com destaque para a calabresa, sabor mais pedido, seguido por frango com queijo cremoso, mussarela, marguerita e portuguesa.

O levantamento foi disponibilizado em julho, para celebrar o Dia Mundial da Pizza, visando apresentar um panorama sobre os hábitos de consumo dos brasileiros. Assim como também revelado pelo estudo da APUBRA na mesma ocasião, foi registrado um aumento no consumo na região nordeste, com destaque para o Ceará.

A plataforma também revelou que 79% das empresas cadastradas são classificadas como PME. Dentro da plataforma, considerando o último semestre de 2022, o prato também apresentou crescimento em 5% no número total de pedidos. Entre os horários e dias favoritos para consumo, a plataforma revelou que os brasileiros adoram pedir pizza aos finais de semana no jantar.